Alimentos para o cérebro: 5 opções para aliviar o estresse

Seja em casa ou no trabalho (ou no mix “home-office”!), todo mundo tem dias estressantes. A lista de afazeres parece interminável: a gente risca um item e parece que, nisso, nascem mais dois! É tanta correria, tanto prazo a cumprir… entendemos perfeitamente. 😣

Nesses momentos de estresse, é geralmente num pedaço de pizza ou numa montanha de fast-food nada saudável que buscamos gratificação, para aliviar a pressão e a frustração. Além disso, com tamanho malabarismo só para dar conta do obrigatório, quem tem tempo para preparar refeições saudáveis?

Estudos indicam que a dieta pode ter muita influência nos níveis de estresse de uma pessoa. Assim, se alimentar de forma inteligente pode ajudar a relaxar e a lidar melhor com os dias de “puro caos”. Confira abaixo 5 alimentos que conquistaram o título de “brain food”, alimentos bons para o cérebro.

Os 5 melhores alimentos para aplacar a ansiedade 

1. nozes

As castanhas em geral e, em particular, as nozes, têm alto teor de energia, o que faz delas o lanche ideal para as pessoas estressadas! As nozes são completas nos benefícios à saúde(1), pois são ricas em ácidos graxos ômega-3, que ajudam a reduzir o risco de depressão.

Além disso, as nozes contêm triptofano, um aminoácido utilizado na produção do “hormônio do bem-estar”, a serotonina. Consumir um punhado de castanhas por dia é uma forma simples de melhorar o humor. Pessoas felizes são menos estressadas. As nozes podem ser um lanche em si, mas ficam ótimas também sobre a salada ou misturadas no mingau de aveia do café da manhã.

2. aveia

Falando em aveia… Gente, a aveia ❤️ Trata-se de um cereal que é muito mais do que o café da manhã perfeito para corredores. Está com um dia cheio de reuniões, uma emendada na outra? Então comece o dia com uma boa tigela de mingau de aveia. A aveia é rica em fibras, o que faz com que o nível de açúcar no sangue se eleve gradualmente, em vez de provocar um aumento súbito. Assim, a sensação de saciedade vai durar ate a hora do almoço.

Dica:

Vamos dar uma turbinada nesse mingau? Rodelas de banana + canela em pó + 1 colher de mel. Esse mix ajuda a reduzir os níveis de estresse e, ao mesmo tempo, fortalece o sistema imunológico.

3. verduras (hortaliças folhosas)

Quando o horário de almoço é apertado, é tentador pedir um delivery qualquer (e claaaa-a-aaaro que bate a tentação do hambúrguer com fritas em vez de uma refeição fitness…) Mas, da próxima vez, faça um esforço. Tente optar por salada. Por quê? Verduras folhosas como o espinafre são ricas em ácido fólico.

Tem mais: o corpo precisa de vitamina B para ter mais dopamina, um neurotransmissor que pode ajudar a aliviar os sintomas da depressão. Além disso, uma saladinha leve não vai provocar aquela sensação de estômago estufado, azia, nada disso… Já daquele hamburgão, bem, não se pode dizer o mesmo. Com o corpo leve, você terá maior disposição para enfrentar a tarde, o que sempre ajuda a lidar com situações de estresse.

4. açaí na tigela (sem açúcar!)

Vamos passar das saladas às frutas? Que tal uma boa tigela de açaí? Sem açúcar adicionado, claro! É uma fruta roxa, riquíssima em antocianinas (antioxidantes). Esta substância é extremamente benéfica para a saúde, principalmente no que diz respeito ao alívio do estresse.

O açaí também contêm vitamina C, nutriente que proporciona um sempre desejável reforço ao sistema imunológico. Isso é importantíssimo, porque quem vive estressado tem maior propensão a adoecer. A melhor forma de ter acesso a essa opção é comprar a polpa pura e ter sempre no congelador. Misture com frutas vermelhas, banana ou o que preferir. Energia TOTAL!

5. chocolate Amargo

“Comer 1 tablete de chocolate por dia = garantir +1 dia longe do médico”. Equação interessante, não? E é especialmente válida para quem opta por chocolate amargo.(2) Os polifenóis (fitoquímicos) dos grãos de cacau reduzem o nível dos hormônios do estresse no sangue — em especial, o cortisol.

Então, da próxima vez que você estiver atolado de trabalho, experimente a doce sensação que um tablete de chocolate amargo (com no mínimo 70% de cacau) pode provocar, derretendo na língua. Hmmm….

Resumindo:

Se a vida estiver estressante e caótica, tente adotar essas 5 opções nutricionais e aliviar um pouco da ansiedade e do mal-estar. Você vai ver como, pouco a pouco, vai se sentir melhor (certamente muito melhor do que quando se entope de alimentos nada saudáveis — isso, sim, é garantido!)

***

CLASSIFIQUE ESTE ARTIGO

Julia Denner

Julia é dietista e apaixonada por culinária. Para ela, o segredo de uma vida saudável está na combinação alimentação equilibrada + prática regular de atividades físicas. Ver todos os artigos de Julia Denner »