Correr com um bebê no carrinho: como levar o bebê para o treino de corrida

Casal correndo com bebê no carrinho

Num dia você era atleta, no outro você é atleta e tem filhos. O que mudou? Mães e pais corredores sabem bem como é difícil reencontrar o tempo e a energia para voltar a treinar + conciliar o treino com a rotina do bebê. 

Mas uma engenhoca exclusiva veio para empurrar os papais e as mamães de volta para o treino junto com os pequenos : os carrinhos de bebê para corrida. É parentalidade positiva que se diz? 😉 

Correr com um bebê no carrinho pode parecer loucura para alguns, mas, para papais e mamães corredores, essa é uma forma maravilhosa de manter a atividade física e a saúde em dia e beneficiar a rotina do bebê ao mesmo tempo.

Esse post veio para acabar com as dúvidas e contar para você como começar a correr com a criançada no carrinho.

Correr com um carrinho de bebê

Perguntas mais frequentes

1. Quando é seguro começar a correr com o bebê?

Se o bebê já consegue sustentar o pescoço e a cabeça e sentar-se sem auxílio, pode ir! A maioria dos carrinhos de corrida não se reclina totalmente e não oferece o suporte adequado para um bebê recém nascido: o balanço durante a corrida é perigoso para eles. Um carrinho de jogging não é recomendado até que o bebê tenha pelo menos 6 meses de idade. 

2. Como fazer o bebê curtir a corrida?

Para que a corrida seja legal para você, primeiro ela tem que ser legal para a criança. Comece devagar, com percursos de curta distância. Escolha rotas que terminem em diversão para os pequenos, tipo correr em direção a um parquinho. Chegando lá, faça uma pausa, deixe a criança brincar e liberar a energia. Quando achar que chegou o momento, corra de volta para casa.

Dica de especialista:

Um dos grandes segredos da parentalidade positiva é a manutenção de uma boa rotina. Programe a corrida para um horário antes da hora da soneca. Se o terreno da corrida for liso, a chance de empurrar o carrinho com um bebê dormindo será mais alta do que a chance de empurrar o carrinho com um bebê zangado e, possivelmente, berrando.

3. Como garantir a segurança do bebê?

Além de esperar até que seu bebê tenha a idade e estrutura corporal suficientes para estar num carrinho de corrida, use uma correia ou faixa para se prender ao carrinho. Se estiver correndo no escuro, instale faróis e refletores de luz no carrinho de corrida.

Deixe os fones de ouvido em casa, é importante prestar atenção ao tráfego e aos barulhos ao redor. Alguns carrinhos de corrida têm a opção de travar a roda dianteira, o que ajuda a manter seu percurso. Use sempre um cinto de segurança (cinco pontos) para que o bebê fique seguro dentro do carrinho.

4. O que levar?

Uma grande vantagem de sair para correr com um carrinho de bebê é ter espaço para levar um monte de coisas (úteis!). Sugestões: leve fraldas, panos umedecidos e uma cobertinha, para manter o bebê protegido do vento e seco. Leve água e alguns lanchinhos tanto para você quanto para o bebê.

5. Correr com o carrinho de bebê afeta a forma da corrida?

Pesquisas mostram que correr com um carrinho de bebê afeta a velocidade e o tamanho da passada.(1) O ritmo será provavelmente mais lento do que na corrida sem carrinho. Corredores encurtam naturalmente a passada quando empurram um carrinho de bebê e, dependendo do carrinho, eles viram os pés para fora por causa das rodas.

Preste atenção à forma de corrida e tente não virar os pés, pois isso pode causar dores nas articulações dos joelhos e quadris.

Experimente empurrar o carrinho de formas diferentes para compensar os ajustes inevitáveis que você fará quando estiver correndo com ele. Algumas pessoas preferem segurar o carrinho com as duas mãos, outras preferem segurar com uma mão e movimentar o outro braço, alternando sempre esquerda e direita.

6. Que diferença faz para o treino correr com um carrinho de bebê?

Pesquisas mostram que correr com um carrinho de bebê eleva o ritmo cardíaco e a taxa de percepção de esforço. (2,3) Isso significa que correr com o carrinho de bebê pode ser mais difícil do que correr sem ele. No entanto, essa ainda é uma ótima maneira de conciliar a parentalidade e os treinos. Vá lá fora, acelere a frequência cardíaca, aumente a resistência, espaireça e bom treino! 

Resumindo

running with a stroller

Correr com um carrinho de corrida para bebês é uma forma genial de manter a saúde corporal e mental em dia em meio a louca rotina com filhos pequenos. Siga as medidas de segurança para você e o bebê, preste atenção nos movimentos do seu corpo durante a corrida, leve lanches, água e o mais importante: organize-se para que a atividade seja tão divertida para o bebê quanto para você.

Apresentar atividades esportivas como uma forma de diversão familiar para as crianças logo no início da vida ajuda a formar uma base sólida, bastante positiva, para o futuro relacionamento deles com a prática de atividade física. 

adidas Running banner

***

CLASSIFIQUE ESTE ARTIGO

Emily Lemon Formada em Tradução e Literatura, Emily utiliza sua perspectiva de cidadã global para focar na articulação de processos eficientes de comunicação intercultural. Ver todos os artigos de Emily Lemon »