Run for the Oceans: a corrida que ajuda os oceanos

Lixo plástico na praia

No início era uma boa intenção: inventamos o plástico, produzimos mais plástico e consumimos muito plástico para facilitar as nossas vidas. A invenção que veio para ajudar acabou afetando o meio ambiente a nossa saúde em geral.

Empacotamos nossos alimentos com plástico, criamos tecidos a partir dele, vestimos plástico, pegamos sacolas nos mercados, enfim compramos e comemos plástico sem pensar na ameaça que vem com ele.

Apesar da situação ser grave, ainda não é tarde demais: existem planos e movimentos sociais com boas propostas para reverter os danos, ou pelo menos aliviar o impacto da poluição plástica no planeta terra. No entanto, a mudança depende mesmo de cada um de nós. E a primeira coisa que podemos fazer é conscientizar, ou seja, fazer o assunto vir à tona. Vamos conversar!

Muito lixo plástico na praia

 

Do Brasil à itália: plástico é um problema mundial

Quatro voltas completas em torno da Terra é o tanto de plástico jogado fora anualmente nos dias de hoje. Um pouco desse lixo é reciclado, o resto acaba dentro dos oceanos. Na real: a cada minuto, um caminhão de lixo cheio é jogado no mar.

As consequências dessa poluição são visíveis no mundo todo. Pedimos a um embaixador brasileiro da adidas Runtastic  para contar um pouco sobre como o lixo plástico afeta a vida onde ele mora. 

“No Brasil, a produção de plástico é uma das principais contribuintes para o desmatamento florestal. Esse desmatamento causa enchentes durante períodos de chuvas intensas. Também vemos muito plástico no mar prejudicando a vida aquática.” – Leo Oliveira, embaixador da adidas Runtastic no Brasil

E ele tem razão! No Brasil, o desflorestamento aumentou em 2020 [1]. O país é o quarto maior produtor de lixo plástico mundialmente, com apenas 1,28% do lixo sendo reciclado [2]. A tragédia não é característica exclusiva da sociedade brasileira: Antonella, embaixadora da adidas Runtastic na Itália, também compartilhou sua frustração com a situação do lixo plástico na cidade dela.

“Quando chego na praia, vejo crianças decorando os castelinhos de areia com lixo plástico. Espero muito que logo eles possam trocar esse lixo por conchinhas.” – Antonella Andriollo, embaixadora da adidas Runtastic na Itália

Bom, esse post não quer implicar com o Brasil nem com a Itália :lol:. Entrevistamos embaixadores de vários lugares, e todos contaram um pouco sobre como a poluição plástica afeta o meio ambiente e a vida nos seus respectivos países: a emergência é mundial.

ocean beach full of plastic waste

como eliminar o lixo plástico?

O problema é grande e, por isso, precisamos de muita gente: muitas pessoas falando sobre o assunto, conscientizando, ajudando a implementar as soluções. Também precisamos de apoio político e de inovação a nível de produção e econômico: o caminho é longo e, portanto, bora começar. 

O Run For The Oceans  é um desafio virtual que acontece todos os anos aqui na adidas Runtastic. Uma iniciativa que deve motivar pessoas do mundo todo a correr, trotar, caminhar ou percorrer quilômetros de cadeira de rodas para apoiar a Parley’s Global Cleanup Network. Essa rede da Parley retira resíduos de plástico de praias e ilhas antes que eles cheguem nos mares.

O desafio é divertido, saudável e ecológico. É uma forma de cuidar da saúde mental, física e do meio ambiente ao mesmo tempo. Jenny, a embaixadora da adidas Runtastic na Alemanha, compartilhou seus motivos pessoais para correr na Run For The Oceans:

“Eu corro para espalhar a mensagem: conscientizar o pessoal sobre as consequências da poluição por plástico para o planeta. Muita gente consome plástico porque não sabe que é um material perigoso. Elas não pensam no lixo que criam quando jogam uma embalagem fora. Corro para mostrar que o plástico que usamos não desaparece. Ele acaba chegando aos oceanos e se transforma em partículas invisíveis que ficam lá para sempre.” – Jenny Marx, embaixadora da adidas Runtastic na Alemanha 

JUnte-se ao movimento!  

Em 2019, 2,2 milhões de corredores espalhados pelo mundo todo participaram da Run For The Oceans. Esse ano, queremos mais: juntaremos mais atletas para fazermos coletivamente mais km juntos.

Para cada km percorrido e registrado com o app adidas Running, adidas e Parley livrarão praias e ilhas de um peso equivalente a 10 garrafas plásticas, até atingir um peso limite de 500 mil libras. Quer participar? Aceite o desafio no app adidas Running! O vídeo abaixo mostra como fazer:

***

CLASSIFIQUE ESTE ARTIGO

adidas Runtastic Team Quer ser mais ativo? Emagrecer? Dormir melhor? A equipe do adidas Runtastic ensina os segredos para fazer você levantar do sofá e chegar aos seus objetivos. Ver todos os artigos de adidas Runtastic Team »