Encontre o melhor tênis de corrida para você

Pessoa com tênis branco da adidas com bastante amortecimento

Escolher um tênis de corrida pode acabar virando um processo que consome sua mente.  Dependendo de onde você compre tênis, às vezes se verá diante de uma parede enorme, repleta de tênis de todas as cores e modelos e classificados segundo palavras tipo “controle de movimento”, “estabilidade”, “minimalista”… e, na real, você mal faz ideia sobre como começar a escolher. Bem, quem nunca, né? Mas, hoje, tudo isso vai mudar!

Mulher amarrando o tênis de corrida enquanto outros corredores esperamAdquira os acessórios que precisa para alcançar a sua meta fitness!

Em vez de tentar escolher um tênis por si só, é melhor procurar uma loja especializada em corrida. Lá, você poderá conversar com quem entende do assunto e escolher os melhores tênis de corrida para a sua passada e pé, que são únicos. Às vezes, você até conhece alguém que tem paixão por certa marca: entretanto, o que funciona bem para esta pessoa pode não funcionar para você. Novamente, cada pessoa, passada e pé são únicos!

O tênis certo pode ajudar a evitar dores e lesões. Assim, já que vai ser preciso desembolsar uma grana, pense neste dinheiro não como um gasto, mas como um investimento em você!

Não há lojas especializadas em corrida perto de onde você mora? Então, hora de pesquisar e ver o que está disponível por aí antes de você fazer sua compra. Leia o post até o final para se situar melhor.

3 itens a ponderar antes de comprar seu próximo tênis de corrida:

Tipo do pé

Conheça melhor seu pé: o arco do pé é chato, normal ou alto? Se não fizer ideia, existe um teste prático chamado “teste molhado”: molhe toda a sola do pé em um recipiente raso contendo água. Em seguida, pise em um pedaço de papel em que o molhado fique bem nítido. Saia de cima do papel e analise a impressão que o pé deixou. Eis o que a pegada revelará:

  • Arco plantar baixo: se vir a pegada quase completa no papel, você tem o que comumente se chama de “pé chato” e, provavelmente, o arco inteiro toca o chão toda vez que você caminha ou corre.  Dependendo da intensidade, você provavelmente precisará de tênis com controle de estabilidade ou movimentos.
  • Arco plantar normal:  se reparar na presença de metade do arco plantar, então seu pé é o que chamamos de pronador normal. Trata-se do tipo mais comum de pé, e você provavelmente pode calçar quase todo tipo de tênis.
  • Arco plantar alto:  conhecido também como “pé cavo”, é o tipo de pisada em que se vê no papel apenas o antepé e o calcanhar, e talvez uma linha fina na parte externa do pé.  Quando for este o caso, é bem provável que seus pés “rolem para fora” quando estiver caminhando ou correndo. Busque tênis com alto amortecimento e maior flexibilidade para ajudar a absorver o choque com mais eficácia. Vale a pena investir em palmilhas especiais customizadas para usar dentro dos tênis de corrida, pois darão melhor apoio ao arco plantar e ao calcanhar. Existem versões prontas que podem ser compradas de acordo com a numeração do tênis e necessidade.

Pronação do pé

“Pronação” quer dizer quanto o pé rola para dentro ou para fora quando faz contato com o solo. Há três tipos de pronação:

  • A superpronação significa que o pé rola excessivamente para dentro, o que pode causar tensão muscular em ambas as pernas e pés. Pessoas com superpronação tendem a ter arcos plantares mais baixos. Vise adquirir tênis com controle de movimento ou estabilidade para evitar pronação excessiva.
  • A subpronação (supinação) descreve os pés que “rolam para fora” durante a caminhada ou corrida. Quem tem pisada supinada tende a ter um arco plantar mais elevado e uma condição denominada “metatarso varo”. Adquira tênis com maior amortecimento para ajudar a absorver o impacto causado pela pisada.
  • Já a pronação normal, que é a mais comum, ocorre quando o pé apresenta pronação normal mas não excessiva. Tênis com controle de estabilidade são uma boa ideia, pois são mais flexíveis que tênis com controle de movimento, mas ainda oferecem um bom suporte.

Homem correndo em um cenário natural Gostou do estilo? Que tal chamá-lo de seu? Treine com estilo!

Superfícies de corrida

Quando finalmente souber que tipo de pisada você tem e qual é a sua pronação, comece a pensar no tipo de local onde vai correr com mais frequência.

  • Tênis para correr na esteira ou no asfalto são os mais disponíveis nas lojas e foram projetados para correr em superfícies duras porém lisas, como calçadas, estradas e rotas pavimentadas.
  • Tênis para trilhas têm um solado com mais rugosidade para alavancar a estabilidade sobre terrenos irregulares.  O solado é mais duro, também, e a parte que cobre os dedos é mais resistente para proteger os pés contra pedras, raízes e outros riscos pelo caminho.
  • Tênis minimalistas e sapatilhas de corrida são super leves e flexíveis, mas oferecem pouquíssimo amortecimento ou suporte. Se optar por experimentar tênis minimalistas, tenha em mente que leva certo tempo para que o corpo e os músculos se adaptem a este tipo de calçado.

Quando comprar ou substituir seus tênis de corrida?

Não pense que é só a galera que fecha quase 100K por semana que precisa estar em dia com os tênis de corrida, não!  Mesmo quem corre de forma bem mais amadora precisa de tênis que se adequem bem aos pés e que não estejam tão desgastados. Ao que dar atenção?

  • Quando estiver de pé, deve haver ao menos a largura de um polegar entre o dedão do pé e a parte da frente do tênis.  Talvez, isso signifique comprar os tênis de corrida 1 número maior do que seus demais calçados. O motivo? Durante o exercício, os pés incham.
  • Experimente. Caminhe pela loja (ou mesmo pela calçada) com seu possível futuro tênis de corrida para sentir bem o tênis. Pergunte se a loja tem algum tipo de política de devolução caso não haja satisfação com o produto.
  • A recomendação geral é trocar de tênis a cada 400-800km percorridos. Este número varia de pessoa para pessoa, mas é importante ter uma ideia de há quanto tempo você está usando os tênis atuais (dica: anote na parte de dentro a data da compra). Quando o tênis começar a ficar desgastado, talvez você repare em novas dores aqui e ali (quadril, joelho, etc.). Hora de substituir o pisante!

Investir tempo em encontrar o tênis de corrida perfeito ajuda a prevenir lesões e melhora a experiência de corrida como um todo.  Seu corpo agradecerá!

Sobre a autora: Jen Mueller, mestra em educação

Jen Mueller, autora fitness

Jen começou a carreira no mundo dos negócios, mas resolveu abandonar o mundo corporativo para fazer diferença na vida das pessoas. Assim, fez um mestrado em Promoção da Saúde e Educação pela Universidade de Cincinnati e trabalhou como especialista em fitness e líder de comunidade no SparkPeople.com, um dos sites mais visitados nos EUA sobre fitness e saúde durante os últimos 9 anos.

Jen é certificada pelo American Council of Education como especialista na área de saúde, boa forma, treinamento individualizado, coach de saúde e fitness pré-natal. Mãe de quatro, ela adora correr e já completou várias meias-maratonas e maratonas. A paixão de Jen é orientar as pessoas para que alcancem suas metas fitness e de saúde.

***

CLASSIFIQUE ESTE ARTIGO

adidas Runtastic Team Quer ser mais ativo? Emagrecer? Dormir melhor? A equipe do adidas Runtastic ensina os segredos para fazer você levantar do sofá e chegar aos seus objetivos. Ver todos os artigos de adidas Runtastic Team »