Guia completo de Mountain Biking para iniciantes

Homem praticando ciclismo nas montanhas

Praticar Mountain Biking é respirar o ar das florestas tranquilas. É o amor bruto de fazer a roda da frente enfrentar as raízes, pedras e aclives. É não conseguir apagar o sorriso nos lábios quando se desce uma trilha.

Tentador, não? Sem dúvida. Este post é sobre Mountain Biking para iniciantes. Ceda à tentação e… partiu pedal!

Mountain Biking para iniciantes: qual é a melhor bicicleta?

Iniciantes no Mountain Biking podem se sentir mentalmente sobrecarregados com a quantidade de bicicletas específicas para o esporte disponíveis no mercado. Há diferentes tipos de bicicletas para Mountain Biking, cada uma apropriada a um tipo de disciplina no pedalar. Iniciantes normalmente se perguntam sobre suspensão, material e geometria do quadro, preço e vários outros detalhes.

Vamos dar uma olhada nos tipos de bicicletas de montanha e como elas sevem a iniciantes:

Bicicletas para Mountain Biking em trilhas

É provavelmente com uma dessas que muitos mountain bikers começarão sua jornada no esporte. São construídas para atravessar trilhas estreitas. Aguentam algumas quedas e saltos, têm suspensão na parte dianteira e provavelmente na parte traseira e posicionam o atleta de forma mais vertical do que, por exemplo, uma bicicleta de corrida de cross-country (XC).

Bicicletas para trilhas são ótimas para iniciantes porque permitem que desfrutemos das trilhas, em vez de ficar acelerando e passar super rápido por elas. Sua ideia é escapar das estradas, do trânsito, se encontrar com amigos e aproveitar o momento para passear pela natureza? Então até um modelo simples de bicicleta para Mountain Biking será suficiente.

Bicicletas tipo Cross Country (XC) 

A categoria de bicicletas de Mountain Biking XC é para corridas. Se achar divertido disputar corridas com outros atletas em uma trilha fechada, escolha uma bicicleta desta categoria. Este tipo de bicicleta prioriza a leveza e o poder de subida. Terá menos deslocamento de suspensão, o que significa que não lida tão bem com terrenos acidentados.

Bicicletas de Enduro (“all mountain”)

Este tipo de bicicleta é um intermediário entre a bicicleta para trilhas e a bicicleta de declive. São construídas para lidar com terrenos mais desafiadores que as bicicletas para trilhas, mas, provavelmente, serão mais pesadas. Este tipo de bicicleta é perfeito para provas de Enduro. As provas de Enduro têm segmentos de declive com tempo marcado, mas os segmentos com aclive são em tempo livre. O vencedor é a pessoa com menor tempo nos declives, somados. Isso quer dizer que estas bicicletas descem declives em alta velocidade!

As bicicletas para MTB estão disponíveis em diversos tamanhos para atender aos diversos padrões físicos. Se você é iniciante no Mountain Biking, recomendamos que vá até uma loja especializada para saber qual é o tamanho ideal de bicicleta a comprar. Em algumas lojas, é possível mesmo testar, ou seja, fazer um “test drive” da bicicleta. Pesquise com calma e compre uma bike que de fato atenda às suas necessidades.

Uma vez de posse da bicicleta dos sonhos, hora de sair por aí pedalando!

Mountain Biking para iniciantes: habilidades básicas

O MTB recompensa ciclistas com boa técnica. Assim, iniciantes devem se esforçar para dominar bem os fundamentos do esporte e começarem com o pé direito! Trazemos aqui algumas dicas sobre habilidades básicas no Mountain Biking para começar:

Curvas

Se aventurar em trilhas estreitas significa fazer curvas íngremes. Em trilhas mais abertas, até há como tentar comer um pedaço da curva, mas não em trilhas estreitas. Assim, dominar as curvas é um aspecto essencial para todo iniciante em Mountain Biking. É preciso praticar sempre e seguir tentando melhorar. Eis como treinar curvas:

  • Torne a curva tão reta quanto possível. Quando se aproximar da curva, pedale até a borda externa mais distante. Inicie a curva imediatamente antes do ápice da curva (ou seja, o ponto mais acentuado da curva). Saindo da curva, pedale até o ponto mais externo dela.
  • Exercícios de fundamento para curvas. Selecione uma curva na sua trilha local e pratique nela até dominá-la. Rapidez é fluidez: tente passar com fluidez pela curva e a velocidade surgirá a partir daí. Quando se sentir confiante nesta curva, hora de treiná-la no sentido contrário. Você vai se surpreender como voltou a ficar difícil!
  • Freie antes da curva, não durante. Frear durante a curva pode fazer com que os pneus deslizem descontroladamente durante a curva. Com o tempo, você vai dominar esta técnica, mas ela é bem avançada para iniciantes no MTB.
  • Visualize o ponto de saída da curva. A bicicleta segue os seus olhos. Não se distraia olhando para a roda dianteira, pois a queda é quase certa.

Duas pessoas praticando Moutain Biking em uma trilha

Travessia

Quem é iniciante no Mountain Biking costuma se espantar com o poder da bicicleta: ela pode passar por tantos obstáculos! Pedras, sulcos, raízes, quedas, tocos de galhos — a suspensão moderna das bicicletas de montanha aguenta tudo isso. Mas você ainda precisa ter boa técnica para atravessar os obstáculos, ou senão pode ter que levar a bicicleta andando — ou pior, bater e cair!

  • Quando se aproximar do obstáculo, mantenha o corpo solto, flexível.
  • Decida como vai atravessar o obstáculo: passar por cima dele, pular, passar de forma a contorná-lo…
  • Se for passar por cima do obstáculo, se equilibre com uniformidade sobre os pedais e mantenha os glúteos afastados do selim — alguns centímetros bastarão. Permita que a bicicleta e seus braços e pernas soltos e flexíveis absorvam o choque de passar por cima do obstáculo. Quando chegar a hora de passar por cima, você precisa ter velocidade o bastante. Senão, vai cair.
  • Em algumas sessões da trilha (como partes com muitas raízes ou rochas) exigirão manter estabilidade na bicicleta, confiar na suspensão e nos pneus e segurar firme enquanto você atravessa este trecho. Tenha confiança, mantenha o olhar elevado e direcionado ao rumo e não entre em pânico!

Frenagem

Não aperte os freios com muita força. São freios fortes e, se ativá-los com força (principalmente o da frente), você provavelmente vai cair.

Dê toques leves no freio, principalmente enquanto for iniciante.

Como tudo na vida, conforme você for praticando MTB, vai pegar o jeito. Assim, partiu trilhas! Não tenha medo de sair da sua zona de conforto, mas sempre com muita segurança e diversão.

Mountain Biking para iniciantes: treinamento

Mountain Biking é um esporte tão variável que é até difícil treinar para ele. As demandas do terreno ditam o esforço que você terá que fazer para atravessá-lo. Os mesmos princípios básicos se aplicam tanto para o Mountain Biking quanto para outros esportes de resistência. Um bom motor aeróbico é fundamental. Eis um exemplo de semana de treino para iniciantes no MTB:

  • Segunda-feira: alongamento, recuperação.
  • Terça-feira: percorrer uma trilha com aclives/declives. Os aclives e declives serão seu treino HIIT sobre a bicicleta de montanha. Se recupere o máximo possível nas partes planas e declives.
  • Quarta-feira: pedalada fácil e curta. Foco na técnica do pedal ou nos exercícios para curvas.
  • Quinta-feira: percurso médio em trilha em superfície plana ou com desnível. O pace deve ser moderado, ou seja, permitir que você converse com alguém. Aproveite para curtir a trilha!
  • Sexta-feira: dia de recuperação. Alongamento e massagem com o foam roller.
  • Sábado: longão na trilha. Pace para conversar. Desfrute do visual da trilha! Não deixe a técnica de ciclismo falhar se você cansar.
  • Domingo: percurso médio em trilha em superfície plana ou com desnível. Pace moderado, permitindo conversar. Hora de curtir o visual!

Confira estes posts para ganhar força e dominar a bicicleta:

Mountain Biking para iniciantes: etiqueta na trilha

Assim como há leis de trânsito para as estradas, há regras para pedalar nas trilhas. Regras não são chatas: elas existem para que todos fiquem em segurança e curtam seu tempo na natureza. Quem pratica Mountain Biking compartilha as trilhas com outras pessoas que estão caminhando ou correndo e com os animais silvestres! Veja como ser um modelo de comportamento na utilização de trilhas e no MTB:

  • As bicicletas cedem a preferência para cavalos e pedestres.
  • Nunca se aproxime com rapidez de um cavalo, nem chegue muito perto. Dê bastante espaço caso se assuste. Considere parar sua bicicleta no lado de descida da trilha e deixe os cavalos passarem. Cuidado com discos de freio que fazem ruídos estridentes, pois eles incomodam os cavalos (e todas as outras pessoas!)
  • Controle sua velocidade e não assuste outros usuários da trilha.
  • Ceda a passagem para quem está subindo.
  • Leve embora com você todo o seu lixo.
  • Não destrua vegetação, as trilhas ou qualquer outra superfície natural.
  • Sempre que possível, permaneça em trilhas já abertas, oficiais. Pedale sobre superfícies duráveis para não prejudicar a natureza.
  • Não alimente nem persiga animais.
  • Não pedale em territórios privativos a menos que tenha permissão.

E, por fim, não cometa estes 15 erros clássicos do ciclismo!

Confira o app adidas Training, escolha um plano de treinamento e conquiste um corpo preparado e tonificado para o Mountain Biking!

adidas Training banner

***

CLASSIFIQUE ESTE ARTIGO